Conselhos de administração: análise de sua composição em um conjunto de companhias abertas (*)

Resumo: O presente trabalho visa a identificar o perfil dos conselhos de administração de 142 companhias brasileiras listadas na Bolsa de São Paulo, a partir de dados do encerramento do exercício de 1999. Os conselheiros foram divididos em quatro categorias distintas, cujos critérios de separação seguiram a metodologia adotada por Bhagat e Black (2000). Foi avaliado o grau de independência do conselho de administração em relação aos acionistas controladores. Foram ainda realizadas análises para identificar características das companhias ligadas à sua composição acionária e situação patrimonial, que pudessem influenciar a composição do conselho, como existência de recibos representativos de ações, negociados no exterior, modalidade de exercício do controle e tamanho da companhia. Os resultados indicaram que os órgãos são amplamente dominados por representantes dos acionistas controladores e que há indícios de baixa utilização dos mecanismos de voto à disposição dos minoritários.


Citação: DUTRA, Marcos Galileu Lorena; SAITO, Richard. Conselhos de administração: análise de sua composição em um conjunto de companhias abertas brasileiras. Revista de Administração Contemporânea, [s.l.], v. 6, n. 2, p. 9-27, 2002. ISSN 1982-7849. Disponível em: https://rac.anpad.org.br/index.php/rac/article/view/168/171. Acesso em: 26 jan. 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/S1415-65552002000200003.


(*) o artigo foi selecionado para compor a coletânea a seguir, publicada pela Editora Atlas: DUTRA, Marcos Galileu Lorena; SAITO, Richard. Conselhos de administração: análise de sua composição em um conjunto de companhias abertas brasileiras. In: SILVA, André Luiz Carvalhal da; LEAL, Ricardo Pereira Câmara (org.). Governança Corporativa: evidências empíricas no Brasil. São Paulo: Atlas, 2007, p. 88-104. (Coleção Coppead de Administração) ISBN 978-85-224-4634-6

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Título: O Banco Central no mercado de capitais e a EC n°106/2020 Autores: Ary Oswaldo Mattos Filho, Viviane Muller Prado, Marcos Galileu Dutra, Ezequiel F. Santos Publicado originalmente: Portal Jota,

Título: Transformação do risco privado em risco público Autores: Ary Oswaldo Mattos Filho, Viviane Muller Prado, Marcos Galileu Dutra, Ezequiel F. Santos Publicado originalmente: Portal Jota, em 07/05